7 celulares de 128 GB de memória por cerca de R$ 1.000 - TV Tudo
Início » 7 celulares de 128 GB de memória por cerca de R$ 1.000

7 celulares de 128 GB de memória por cerca de R$ 1.000

por TV Tudo

Para a parte dos consumidores, o armazenamento é o principal fator de compra na hora de comprar um novo celular, e agora com os aplicativos ficando cada vez mais pesados e cheios de atualização, o grande público almejada cada vez mais adquirir smartphones com 128 GB de memória interna. Neste artigo, separamos algumas opções de entrada que figuram entre R$ 900 a cerca de R$ 1.100.

Motorola Moto G20

Motorola Moto G20Motorola Moto 20.

Opção interessante e que pode ser encontrada por valores um pouco acima dos mil reais, o Moto G20 conta com processador T700 Unisoc e 4 GB de RAM, além dos 128 GB de armazenamento interno. A tela Max Vision de 6,5 polegadas traz taxa de atualização de 90 Hz, operando na resolução HD+.

Falando em câmeras, o módulo quádruplo da parte traseira possui um sensor principal de 48 MP, lente ultrawide de 8 MP, macro e sensor de profundidade de 2 MP, enquanto a frontal tem 13 MP. A bateria tem 5.000 mAh, e de acordo com a Motorola, aguenta mais de dois dias longe das tomadas.

Xiaomi Redmi 10C

Xiaomi Redmi 10CXiaomi Redmi 10C.

Marca super popular entre os brasileiros, a Xiaomi conta com opções interessantes, como o Redmi 10C, que pode ser encontrado por menos de R$ 1.100 no varejo. O smartphone tem uma tela grande de 6,7 polegadas, ideal para quem gosta de assistir filmes e vídeos. O display é do tipo LCD IPS em resolução HD+ e conta com proteção Corning Gorilla Glass.

Internamente, o celular da marca chinesa tem processador Qualcomm Snapdragon 680 e 4 GB de RAM, além de uma bateria de 5.000 mAh compatível com carregamento rápido de até 18W. A câmera frontal apresenta apenas 5 MP, o que pode decepcionar os amantes de selfies. A traseira, por sua vez, tem 50 megapixels.

Positivo Q20

Positivo Q20.Positivo Q20.

Marca brasileira muito conhecida em diversos segmentos, a Positivo possui o modelo Q20 em seu portfólio, um smartphone de entrada com processador Unisoc e 4 GB de RAM. A tela também usa painel LCD IPS e resolução HD+, mas tem “apenas” 6,1 polegadas.

O conjunto de câmeras traseiras é equipado com a lente primária, de 13 MP, e mais duas lentes ultrawide e de profundidade, com 5 MP e 2 MP, respectivamente. O sensor frontal tem apenas 8 MP, enquanto a bateria conta com 4.000 mAh. O modelo é um dos mais simples da lista, e pode ser interessante para usuários menos exigentes com orçamento limitado na casa dos R$ 1.000.

Samsung Galaxy A13

Samsung Galaxy A13Samsung Galaxy A13.

Por causa de sua popularidade, a Samsung é uma empresa bastante lembrada na hora de comprar um celular, e o Galaxy A13 é uma opção interessante graças a sua tela de 6,6 polegadas com resolução Full HD+ (com proteção Gorilla Glass 5). O aparelho tem um belo visual minimalista com curvas mais refinadas.

Dentre as especificações, o celular conta com bateria de 5.000 mAh e processador Helio G88, da MediaTek. A câmera principal de 50 MP é somada a mais três lentes: ultrawide (5 MP), macro e de profundidade (2 MP cada), deixando o dispositivo com valor levemente superior ao de R$ 1.100, mas compensando com suas configurações. O smartphone foi lançado há cerca de um mês e chega com Android 12 de fábrica.

Motorola Moto G22

Motorola Moto G22Motorola Moto G22.

Outro aparelho da Motorola que costuma aparecer um pouco acima do R$ 1.100, o Moto G22 tem uma câmera principal de 50 MP, além da lente ultrawide de 8 MP, e macro e de profundidade tamb[em com 2 MP, enquanto o sensor frontal é equipado com 16 MP. O aparelho ainda se destaca com a bateria de 5.000 mAh, compatível com carregador Turbo Power de 20W, que dá 12 horas de uso com uma carga rápida de 30 minutos, segundo a marca.

A tela de 6,5″ ganha destaque com a taxa de atualização de 90 Hz, mas também funciona em resolução HD+. O processador utilizado no aparelho é o MediaTek G37, acompanhado de 4 GB de RAM, além de também chegar atualizado com Android 12.

Philco HIT P12

Philco Hit P12Philco Hit P12.

Encontrado por valores abaixo dos R$ 1.000 em diversos varejistas, o Philco HIT P12 é uma das opções mais baratas para quem busca um celular com 128 GB de armazenamento. O aparelho traz processador Unisoc A55 mais simples, além de 4 GB de RAM. A tela é HD+ e tem tamanho de 6,5″.

O conjunto de câmeras é básico, em que o módulo principal conta com 13 MP, e é integrado com uma lente ultrawide de 5 MP, e sensor de profundidade e macro de 2 MP, enquanto a frontal possui 8 MP. A bateria tem capacidade de 4.000 mAh.

Realme C25Y

Realme C25YRealme C25Y.

A Realme é mais uma marca chinesa que chegou ao Brasil há pouco tempo, mas vem trazendo modelos interessantes no segmento de entrada. O Realme C25Y, que fica na casa dos R$ 1.000, conta com uma câmera de 50 MP, sensor de profundidade e macro de 2 MP; já a câmera frontal tem apenas 8 MP.

A bateria tem 5.000 mAh e suporta carregamento rápido de até 18W, e pode aguentar cerca de 60 horas de uso utilizando a função Super Economia de Energia, de acordo com a empresa. O processador é o Unisoc T610, que faz dupla com 4 GB de RAM no sistema.

Mesmo com poucas opções, encontrar um bom celular na faixa dos R$ 1.000 não é uma tarefa impossível, e esses modelos devem atender bem aos consumidores menos exigentes e que só querem bastante memória para guardar todos os seus apps, fotos e vídeos favoritos.

 

 

Via: TecMundo

Relacionado